Toda obra bem-sucedida é construída com base na teoria da narrativa da ação regida pelas passionalidades dos personagens

A eficiência desta teoria é comprovada na sua aplicação em obras de sucesso, como:

Qual é a chave para se fazer um filme, uma série de TV ou qualquer outra obra de ficção de qualidade?

A resposta que esta nova teoria da narrativa organiza e elucida está no desenvolvimento do roteiro a partir da passionalidade do personagem. A teoria da emoção chega para completar a teoria do roteiro, somando-se a teoria da narrativa da ação

O sofrimento, a falta, o dano, uma paixão que haverá no personagem é que vai reger a base de qualquer roteiro de ficção. Todas as ações que ocorrem na narrativa devem estar de acordo com os estados de alma dos personagens.

Esse foco nas emoções do personagem é o que Syd Field chamava de “a estrutura invisível do roteiro”, onde ainda não era possível adentrar. Mas ele já reconhecia que a importância de uma obra bem-sucedida estava no desenvolvimento da narrativa tendo como relevância o estado emocional dos personagens.

Portanto, com esta nova teoria, é possível ter ferramentas para desenvolver roteiros perfeitos, que resultem em obras que realmente emocionem os espectadores, obras universais para o mercado global, o que caracteriza o sucesso de toda obra.

Uma obra só se torna universal, quando consegue se comunicar com qualquer pessoa, em qualquer língua, pois essa comunicação se dá através das emoções que uma obra passa a quem a assiste. Os sentimentos, os sofrimentos são universais, entendidos ou “sentidos” por qualquer um, em qualquer lugar do mundo.

Como se chegou a essa nova teoria?

A teoria da narrativa que leva em conta as emoções dos personagens só foi possível com a descoberta da Semiótica das Paixões, no início dos anos 1990, na França, por A. J. Greimas, uma ciência para estudar o “sentido” das paixões e como elas afetam os sujeitos e a forma como agem.

Sua eficácia já foi testada somente na linguagem visual por Jean-Marie Floch, que transformou, com esta semiótica, a forma como as marcas Channel, Microsoft e Apple dominam e fidelizam seus consumidores. Seus livros servem de base para as faculdades de Marketing no mundo inteiro.

O autor Hermes Leal, PhD em Semiótica das Paixões, tendo pesquisado durante 30 anos essa ciência, enquanto escrevia romances e roteiros audiovisuais, enxergou um campo a desenvolver na narrativa a partir deste estudo. Visto o que o francês Floch havia realizado para o Marketing, Leal se propôs a desenvolver uma teoria para a linguagem audiovisual.

O que resultou na publicação do livro As Paixões na Narrativa, lançado na Coleção Estudos da Editora Perspectiva, em 2017, e nesta masterclass, organizada também em livro, com o título As Paixões nos Personagens, lançados em 2019.

O Autor

HERMES LEAL

Jornalista, escritor, documentarista e linguista

PhD em Narrativa de Ficção, Hermes Leal é escritor, com sete livros publicados, explorador e documentarista. É jornalista, Mestre em Cinema, com especialização em Roteiro pela ECA/USP, e Doutor em Letras, com especialização em Linguística e Semiótica das Paixões, pela FFLCH/USP.

Seus estudos na narrativa de ficção foram publicados pela editora Perspectiva, em 2017, na famosa Coleção Estudos, com o título de “As Paixões na Narrativa – A Construção do Roteiro de Cinema”, na mesma coleção em que foram lançados, no Brasil, os maiores pensadores do mundo, como Gilles Deleuze e Michel Foucault. Sua segunda obra neste campo, “As Paixões nos Personagens”, demonstra a aplicação de sua teoria nos roteiros e personagens dos filmes “Roma”, “Coringa” e “Parasita” e em séries, como “Game of Thrones”.


É autor do romance “Antes que o Sonho Acabe” (Geração Editorial, 2016), sobre um jovem em fuga da Amazônia em épocas sombrias da Guerra Fria, que será filmado com direção do premiado cineasta Lírio Ferreira e distribuição da O2 Play.

É roteirista e diretor de séries televisivas, como “Pensamento Contemporâneo” (canal Curta!) e “Cineastas” (canais Curta! e A&E), e de longas documentais, e criador e roteirista da série “Amazon Fashion” (Fashion TV e Amazon Prime Video).

O que você vai aprender na masterclass?

Tendo como base a teoria da narrativa da ação já existente, dos três atos e dos pontos de virada, esta masterclass irá introduzir e aprofundar o aluno a este outro lado inédito, até então, como teoria, o lado subjetivo da passionalidade dos personagens.

Até hoje, grandes roteiristas realizam obras de grande sucesso, mesmo sem terem um estudo que lhes deem ferramentas para suas criações. Apenas intuitivamente era-se possível criar uma narrativa de ficção levando em consideração o lado passional dos personagens como a base do roteiro, e tendo somente a teoria da narrativa da ação como referência.

Com a possibilidade de se estudar o aspecto passional da narrativa, ficou mais fácil conseguir realizar um roteiro perfeito. Uma história que seja regida pelas passionalidades dos personagens. Não importa qual história esteja contando, ela sempre deve ser construída levando-se em conta o estado de alma dos personagens.

O curso organiza esta nova teoria em videoaulas e em livro (136 páginas). São utilizadas obras de conhecimento do grande público, que tiveram êxito do ponto de vista de seus roteiros, como Game of Thrones, Westworld, Roma, Parasita, Coringa, entre outros, para aplicar a teoria em seus roteiros.

O conteúdo da teoria é composto de 7 esquemas teóricos: Programa Narrativo, Acontecimento Extraordinário, Destinador, Surpresa, Dano e Fratura, Esquema das Paixões e Simulacro Existencial. Você vai aprender a dominar as paixões dos personagens, como a raiva, o ódio, o ressentimento, a melancolia, para criar uma perfeita jornada interna do personagem.

MASTERCLASS em
videoaulas e livro

A Masterclass Narrativa de Ficção está disponível em dois cursos online

Em ambos os cursos, o aluno aprenderá todo o conteúdo da teoria da emoção, com acesso digital gratuito e vitalício ao livro As Paixões nos Personagens

O curso As Paixões na Narrativa é uma masterclass didática, gravada em 2019, onde Hermes Leal apresenta a teoria e seus esquemas de forma detalhada, com auxílio de materiais gráficos, além de cenas de obras – filmes e séries –, exemplificando nelas cada esquema da teoria.

E na masterclass ministrada ao vivo (via Zoom), em 2021, o autor amplia a aplicação de sua teoria a outras obras e também na literatura, além de exemplificar todos os esquemas teóricos em filmes e episódios de séries que são transmitidos na íntegra ou em partes. Além disso, tendo o conceito da teoria sempre em evolução, já que a teoria da emoção é uma teoria da vida do ser humano, o autor a reflete também em pensamentos filosóficos, partindo de Deleuze, Merleau-Ponty,  entre outros, e sociais, examinando a origem da formação cultural brasileira e sua influência na escrita narrativa.

O acesso digital ao livro As Paixões nos Personagens, que acompanha ambos os cursos, está disponível nos idiomas português, inglês, espanhol e francês (veja abaixo como adquirir o exemplar físico, disponível apenas em português).

As Paixões na Narrativa

14 videoaulas • 5,5 horas de conteúdo

Introdução sobre a teoria
1º módulo: estruturas da narrativa
2º módulo: efeitos das “paixões” nos personagens
3º módulo: as camadas invisíveis dos personagens
Filmes analisados: Django Livre (Quentin Tarantino), Melancolia (Lars von Trier), Gravidade e Roma (Alfonso Cuarón), Relatos Selvagens (Damián Szifron), O Som ao Redor (Kleber Mendonça Filho), Operação Big Hero (Disney)
Séries analisadas: Game of Thrones (HBO), Chernobyl (HBO), Westworld (HBO)
Legendas: inglês, espanhol, francês e coreano

Masterclass ao vivo

12 videoaulas • 11 horas de conteúdo

Introdução sobre a teoria
7 esquemas teóricos analisados em filmes e episódios de séries exibidos e comentados cena a cena
Filmes analisados: Roma (Alfonso Cuarón), Coringa (Todd Phillips), Parasita (Bong Joon-ho), O Som ao Redor e Bacurau (Kleber Mendonça Filho), Central do Brasil (Walter Salles), A Vida Invisível (Karim Aïnouz, e a obra literária A Vida Invisível de Eurídice Gusmão, de Martha Batalha)
Séries analisadas: Game of Thrones (HBO), Big Little Lies (HBO)

Depoimentos

"Hermes Leal encontrou um verdadeiro tesouro para nós contadores de histórias. Principalmente, para roteiristas, criadores de histórias audiovisuais. Ele desvendou uma fórmula sensacional para trabalhar o processo de escrita, mas que precisa de muita dedicação para estudá-la."

Orlando Senna
Cineasta, escritor, codiretor de "Iracema, uma Transa Amazônica"

"Excelente Masterclass, a única que representa algo inovador e contemporâneo, na análise e escritura de roteiro, com um verdadeiro PhD em Semiótica, Hermes Leal. Não é um curso de roteiro, é um curso de vida. Conhecer todo o processo do simulacro existencial é uma coisa que você pode não só aplicar no roteiro, mas em sua vida. Essa é uma teoria que revoluciona o cinema mundial. E o Hermes ter tornado essa teoria da semiótica acessível a todos é um grande mérito. Foi preciso 30 anos de sua dedicação para que, hoje, com 3 meses, as pessoas possam compreender essa teoria."

José Padilha
Diretor e roteirista

"As aulas de Hermes Leal são uma oportunidade de assistir a um pesquisador sério transmitindo com profundidade e clareza ensinamentos que muito ajudam a quem escreve e tem interesse nas narrativas audiovisuais. Eu recomendo com entusiasmo."

Paulo Henrique Alcântara
Dramaturgo e professor da Escola de Teatro da UFBA

"A relação entre o arco narrativo e a passionalidade das personagens sempre me impressionou muito, poder mergulhar nesses conhecimentos é de valor inestimável! Um divisor de águas em minha trajetória! Gratidão ao Prof. Doutor Hermes Leal."

Dan Santos
Estudante

"É a primeira vez que eu faço um curso voltado para a área de roteiro. Eu sempre escrevi por intuição, eu amo escrever histórias, eu também sou atriz e por isso já me apaixonei à primeira vista pelo curso. Não existe história sem personagem, ele é a alma da narrativa. E se o personagem não tem alma, não tem profundidade, o público não vai se identificar! O Hermes está trazendo algo novo e muito necessário. A fórmula do "bolo" é sempre a mesma, mas o que fará a diferença, encantando o público, é o personagem. A semiótica eu vou levar comigo não só como roteirista, mas também como atriz na construção de um personagem."

Gabriela Inacio
Atriz e roteirista

"Como contador de histórias, estou sempre em busca de novos recursos narrativos para criar personagens e tramas. A teoria de Hermes Leal veio de encontro a essa minha procura e foi além – me fez ver que não só é possível desenvolver o mundo superficial com competência, como também entendê-lo e construí-lo de maneira profunda. O melhor é que se trata de uma teoria que te faz pensar e analisar sua história passo a passo. A metodologia de ensino, dividida por módulos e exemplos práticos sobre filmes e séries, complementada com a leitura do livro, ajudam a interiorizar o conteúdo com eficiência."

Rodrigo Zafra Toffolo
Escritor e roteirista

"Fiquei muito contente em fazer um workshop com o Hermes Leal. Ele traz uma grande bagagem teórica para fundamentar sua pesquisa e nos ajuda a compreender as camadas mais profundas da construção dos personagens. A Teoria das Paixões aplicada à narrativa cinematográfica me pareceu uma ferramenta muito eficiente para o desenvolvimento do roteiro, sensibilizando nossas histórias para que o público se sensibilize. Recomendo a todos os roteiristas que queiram desenvolver o viés humano e a imperfeição de seus personagens."

Ronaldo Dimer
Roteirista

"Deixo meu agradecimento e reconhecimento ao professor Hermes e ao trabalho dele.  Deveria estar em todas as universidades.  Ele consegue tornar os conceitos acessíveis, aplicáveis. Eu estou fazendo um livro de análise fílmica, estudando a representação dos animais no cinema, e o livro virou ao contrário.  Agora, estou revendo tudo à luz da teoria dele.  Também já estou abordando a Semiótica das Paixões em aulas e grupos de estudo. Foi muito gratificante e até emocionante mesmo conhecer esse trabalho."

Eveline Baptistella
Jornalista e professora universitária, doutora em Estudos de Cultura Contemporânea pela UFMT

"Das vezes em que busquei informações a respeito de como escrever um bom roteiro sempre me deparei com a frase: "Devemos humanizar os personagens." Essa teoria que Hermes nos ensina é exatamente a solução para quem está procurando saber como fazer isso. O conteúdo e os feedbacks dados em aula são extremamente valiosos e posso dizer que é nítido como a minha maneira de pensar uma história e desenvolver personagens evoluiu e tornou meus projetos muito mais interessantes. Recomendo!"

Letícia Caovilla
Editora de vídeo

"Meus agradecimentos ao Hermes Leal por proporcionar a todos nós, seus alunos, momentos de extrema lucidez quanto à construção de roteiros. Estudar com o Hermes Leal é muito mais do que aprender uma técnica ou uma nova forma de fazer roteiro. É aprender a apreender os estados de alma dos personagens,  aprofundá-los e comunicá-los através  do roteiro. Gratidão Hermes!"

Francisco de Assis Carneiro
Professor e pesquisador

100% online em multiplataformas

Você pode assistir às videoaulas no computador, no tablet ou no celular

Quer adquirir o livro impresso?

Clique no botão abaixo e solicite seu exemplar
por R$ 39,90 + frete

Informe o endereço de entrega com CEP


Na imprensa

Parceiros